dir-ricardo-lemos
Dr. Ricardo Lemos é coordenador do Workshop ABCRC SP 2017.
O tema do evento é Refinamentos em Restauração Capilar, e ele será realizado em 18 e 19 de agosto.

Nesta entrevista, fala sobre suas expectativas para o Workshop, os diferenciais e o que os participantes podem esperar. Acesse a página do evento e garanta sua vaga.

Como coordenador do Workshop, qual a sua expectativa com o evento?

Estamos vivendo uma fase de sedimentação da FUE no Brasil, então o Workshop nos possibilitará a oportunidade de uma ampla discussão e comparação entre as técnicas FUT e FUE, vantagens e desvantagens e, acima de tudo, as indicações precisas de cada procedimento.
O enfoque nos regimentos das técnicas também proporcionará o aprendizado de detalhes essenciais na obtenção da excelência de resultados.

O que os inscritos podem esperar do Workshop?

O Workshop será completo, transitando desde aspectos básicos da restauração capilar, até temas mais complexos e avançados. Os vídeos editados, de maneira muito prática e objetiva, e as cirurgias demonstrativas complementarão toda a carga teórica, abrangendo o que há de mais atual na área.
O evento tem muitos momentos voltados ao jovem profissional. O que o sr. pode adiantar deste âmbito?
O jovem cirurgião tem muita dificuldade de iniciação no campo da restauração capilar. A montagem da equipe, a compra dos equipamentos adequados, a escolha da técnica geram, muitas vezes, estresse e ansiedade em quem está começando. Além do curso básico, a ideia do bate-papo com iniciantes é exatamente dar esse suporte, orientando os jovens cirurgiões da forma mais adequada e tranquila, para os primeiros passos na área.

Qual a importância das vídeo-cirurgias?

As vídeo-cirurgias enfocarão os refinamentos, o “pulo do gato”, com uma abordagem prática e direta, dos segredos de cada cirurgião. Acredito que será um dos pontos altos do Workshop.

O que os participantes podem esperar das cirurgias ao vivo?

Além de abordarem os aspectos diferenciais entre as técnicas FUE e FUT, trarão como inovação a comparação de diversos equipamentos (FUE), não só em relação ao uso, mas também quanto à análise dos enxertos obtidos com cada aparelho. Excelentes e experientes cirurgiões do Brasil e América do Sul estarão envolvidos nas cirurgias e nas atividades didáticas.
Como sempre, as cirurgias ao vivo darão a oportunidade aos participantes de aprenderem ou se aprimorarem nas abordagens práticas de cada técnica.

O que o sr. pode falar sobre os professores do evento?

Os convidados estrangeiros sempre contribuem nos eventos científicos, trazendo novidades, assim como suas experiências e condutas pessoais.
Acredito que todos os convidados, nacionais e internacionais, com larga experiência na área, por meio das palestras, vídeos e cirurgias demonstrativas abrilhantarão o Workshop, trazendo o que há de mais novo na área de restauração capilar.