Muitas pessoas acreditam que a calvície ocorre quando os fios de cabelo de uma área do couro cabeludo caem e não voltam a crescer. Isto acontece em alguns casos especiais, mas estes são raros. Em geral, a calvície resulta de um afinamento dos fios, que vão se tornando mais curtos e reduzidos em diâmetro até que desaparecem. A este processo dá-se o nome de miniaturização.

Na miniaturização, o ciclo de crescimento do cabelo é afetado pela ação do hormônio DHT (dihidrotestosterona), que faz com que a porcentagem de cabelos na fase de crescimento (anágena) e a duração desta fase diminuam, resultando em cabelos mais curtos. Mais cabelos ficam em estado de repouso (fase telógena) e estes são muito mais sujeitos à queda em função de traumas cotidianos como pentear e lavar. Os fios de cabelo tornam-se progressivamente menores (ver ilustração da miniaturização do folículo piloso), reduzidos em diâmetro e comprimento. A pigmentação também é afetada e os cabelos se tornam mais claros ou brancos.

A figura abaixo mostra a miniaturização do folículo piloso em calvície padrão. O cabelo cresce por períodos mais curtos de tempo e torna-se menor, mais fino, mais leve. No último grau deste processo, os fios assumem o estágio chamado de velos, nome dados aos fios miniaturizados, similares a uma penugem.

Miniaturização do folículo piloso em processo de queda de cabelo

miniaturizacao